democracia e dívida

Espiral recessiva em Espanha e Itália (FMI dixit)

In Noticias on 16/04/2013 at 8:42 pm

Será que tem mesmo de ser assim? Que desvalorização lenta e dolorosa é esta de que fala o FMI? Quem pagará os custos desta experiência? Quem assumirá as responsabilidades do seu fracasso? Pedir-nos-ão desculpa no final? e esse pedido de desculpas servirá para quê com as nossas vidas e países destruídos?

Most euro periphery countries, notably Italy and Spain, are expected to have substantial contractions in 2013. The process of internal devaluation is slowly and painfully taking place, and most of these countries are slowly becoming more competitive. External demand, however, is just too weak to compensate for even weaker internal demand. Adverse feedback loops between weak banks, weak sovereigns, low activity, and again low confidence, are still reinforcing each other in explaining the numbers that I’ve given you.

https://www.imf.org/external/np/tr/2013/tr041613.htm

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: